Ser mulher

Ser mulher e resistir

Ciclicamente renascer

Alvorecer um feminino reconstituído 

A cada passo dado no caminho. 

Ser mulher e ascender 

Enraizar-se no saber 

Das que vieram dantes  

No poder ancestral e maternal

Registrados na terra. 

Ser mulher e poder gerar como Eva.

Ultrapassar as fronteiras do compreensível 

Viver o mistério de transcender em si

As divinas águas profundas. 

Aminioticamente transbordar

Parir e renovar o mundo 

Um novo ser 

Uma nova mulher

Um novo olhar.

Transformar. 

Ser mulher e amparar

As dores profundas

Que desaguam neste mar 

Um coração que sabe doar. 

Ser mulher e sangrar

Sangue que corre dentro 

Escorre fora 

Fluindo além. 

Ser alquímica por natureza 

Ser reflexo de beleza 

Ser humana e divina 

Paradoxo que move 

O ser mulher. 

Vanessa Pinheiro | Escrito em 07.11.20.

Fotografia registrada por mim, novembro, 2020. Todos os direitos reservados.

2 comentários em “Ser mulher

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s